Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



E vergonha na cara?

por Pedro Silva, em 31.08.14

Que continue o Casillas 4ever. Pelo menos dois dos golos da Real Sociedad tiveram origem em lances de bola parada.

Este foi um problema que assolou a equipa Merengue nos tempos de Mourinho quando Casillas era dono da baliza. O problema atenuou-se quando Diego López passou a ser o Guardião e agora voltou em força. Porque será? Estas coisas a grandiosa Imprensa, que tudo sabe, não descobre, mas bem que dava jeito que descobrisse de uma vez por todas dado que Ancelotti parece não querer ver o óbvio.

Teve a sua piada ouvir Iker a dizer publicamente que há que apurar responsabilidades. Assim numa de “a culpa não é minha mas sim dos meus colegas de equipa”. Anedótico!

E já agora, uma vez que a Imprensa sabe tudo de tudo e não falha uma daquilo que publica, que descubra porquê razão Xabi Alonso se quis ir embora de Madrid assim tão repentinamente. O pessoal agradece.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:14

Clássico de Campeões

por Pedro Silva, em 28.08.14

Ora aí está o Grupo da Liga dos Campeões do qual faz parte o Campeão Europeu Real Madrid CF. Numa primeira vista somos tentados a dizer que Real Madrid CF e Liverpool serão os apurados para a fase seguinte da prova. Contudo não me parece que vá ser assim tão simples.

Isto porque os Suíços do FC Basel são aquele tipo de equipa que nunca é favorito a nada mas aproveita muito bem este estatuto para “roubar” pontos aos favoritos. Basta que olhemos para a edição anterior da Champions e relembremos o quanto teve de suar o Chelsea de Mourinho ante estes Suíços num grupo onde os Ingleses eram os claros favoritos.

Depois há a incógnita Búlgara de nome Ludogorets Razgrad. À partida será o elo mais fraco deste Grupo, mas será que vai mesmo assim? A história tem-nos mostrado que os “aprendizes” da Liga dos Campeões costumam dar que falar e chegam bem longe na prova. É portanto um adversário do qual a equipa Blanca terá mesmo de desconfiar e nunca subestimar.

Para último deixei o Liverpool. Vai ser muito interessante ver este Clássico do Futebol Europeu: Real Madrid CF e Liverpool são somente dois dos grandes históricos da Liga dos Campeões sendo que os Espanhóis já venceram a prova por dez vezes e os Ingleses em quatro ocasiões. Por norma o real Madrid CF costuma obter bons resultados contra adversário das Terras de sua Majestade, mas com Carlo Ancelotti no banco e Casillas na baliza nunca se sabe.

Pessoalmente não acredito na 11.ª vitória Merengue na Champions. Ainda não surgiu um Bicampeão europeu desde que a Liga dos Campeões adoptou o actual formato competitivo. E como um mal nunca vem só, não creio que o real Madrid CF tenha equipa para tal feito graças á arte e engenho do seu Treinador.

Uma última palavra para Cristiano Ronaldo. O Português foi hoje distinguido como Melhor Jogador na Europa, sobrepondo-se a Manuel Neuer e a Arjen Robben. É a primeira vez que o internacional Português recebe esta distinção.

Com esta distinção “tapou-se” um bocadinho a pouca vergonha que a FIFA levou a cabo no último Mundial quando comtemplou Messi com o Título de Melhor Jogador do Torneio. Agora espero que não volte a haver semelhante palhaçada aquando da escolha do Melhor do Mundo lá para Dezembro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:11

A queda do “Anjo”

por Pedro Silva, em 27.08.14

Agora que realmente se concretizou a transferência de Di Maria chegou a altura de opinar sobre o assunto.

Primeiro há que dizer que considero patética toda a actuação da Imprensa Espanhola no que a este processo diz respeito. Principalmente daquela que se diz muito próxima do Real Madrid CF.

Desde o gesto obsceno que Angel teve para com o público do Bernabéu que o Argentino passou a ser um alvo a abater por parte da dita “Prensa”. Depois vieram as suas birras, situação que o colocou muito mal visto perante os adeptos Merengues, eu inclusive admito.

A partir daí Angel Di Maria passou de menino querido a besta que ia ser transferida para tudo quanto era sítio. Inclusive chegou-se a veicular com muita insistência que James Rodriguez só viria para Madrid após a forçada saída de Di Maria. Algo que nunca se veio a verificar e que é elucidativo da forma pouco profissional como trabalha quem tem o dever ético de informar e nada mais.

Mas Di Maria acabou mesmo por se ir embora. E logo para um sítio onde ninguém estava á espera. Mas não é para mostrar a porcaria que grassa na Imprensa Desportiva que estou aqui a escrever. Aliás, se formos a ver a edição online do jornal marca rapidamente percebemos como funciona esta gente. Num día o Jogador é um animal e no outro é um Deus que deixa saudades. Ridículo.

Estou aqui para falar sobre a saída do Argentino: Saída com a qual eu não concordo de forma alguma.

A meu ver Di Maria passou pro várias fases na sua estadia em Madrid. Chegou á Casa Blanca com Mourinho e na altura era um Atleta franzino, habilidoso mas muito “brinca na areia” que marcava a diferença contra equipa que se fechavam muito na sua defesa. Com o Special One o Argentino evoluiu imenso, transformou-se num extremo de enorme qualidade mas um tudo ou nada preguiçoso uma vez que lhe faltava quem lhe fizesse frente no plantel da altura.

Com Ancelotti veio Gareth Bale, a contratação milionária da época anterior, e acabou-se o reinado de Di Maria. De titular indiscutível o franzino Argentino passou a suplente e lidou mal com a situação sendo o ponto mais baixo da sua carreira de Branco vestido o já aqui referido gesto obsceno. Mas o destino pregou-lhe uma partida e com a grave lesão de Jesé abriu-se uma porta a Di Maria. Este agarrou a oportunidade com as duas mãos tendo sido magnífico na sua posição 10. La Décima foi sem sombra de dúvida fruto do seu excelente trabalho como n.º 10 da equipa Merengue.

Mas nem as conquistas que ajudou a construir foram suficientes para o manter em Madrid e gabia que “tapar o buraco” criado com a contratação de James Rodriguez. Como tal, apesar de o Argentino e o Colombiano se entenderem bem no mesmo onze, Di Maria acabou por sair para Manchester.

Uma perda muito grande para Madrid. Não do Di Maria das duas épocas de Mourinho, mas sim o da segunda metade da primeira temporada de Ancelotti… Que seja feliz em Terras de Sua Majestade!

Quanto ao Real Madrid CF, é por causa desta e doutras razões que eu estou muito pessimista para esta nova época que já arrancou.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:56

Até quando?

por Pedro Silva, em 25.08.14

A pergunta que serve de título a este texto é pertinente e deve ser colocada em cima da mesa por todos os Madridistas. Mesmo por aqueles que tem uma paixão louca pelo Guardião Espanhol.

Acima de qualquer Jogador está, e estará, sempre o Clube. Ora de que serve ao Clube um símbolo que o prejudica jogo sim, jogo sim? Para nada mais senão para perder Títulos e criar mau ambiente entre os seus colegas de trabalho.

Os “Iker Fanáticos” não descansaram enquanto não viram Diego López a milhares de quilómetros de Madrid. A vontade foi lhes feita. E agora que temos na equipa Blanca?

Um super Guarda-redes Costa-riquenho que não pode jogar e o mega Frangueiro de nome Iker Casillas que prejudica sempre a Equipa Blanca mas que joga por Decreto.

È por causa destas coisas que não vou à bola com Ancelotti. E nunca irei por muito que este triunfe no Real Madrid CF.

Por acaso, mas mesmo só por mero acaso, o jogo onde o San Iker levou a cabo as suas habituais habilidades foi ante um adversário frágil que acabou por ser derrotado com maior ou menor dificuldade. Fosse outro mais forte e teríamos tido um excelente arranque de Temporada no que à Liga BBVA diz respeito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:53

Pág. 1/5




Agenda do Real Madrid


Calendário

Agosto 2014

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (23/01/2018)


as (23/01/2018)


Publicidade



Espectadores


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds