Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sergio Ramos: 100 jogos na Champions

por Pedro Silva, em 20.04.17

web_RAMOS_TTON5940Thumb.jpg 

"Alcançar esta marca, e começando sempre como titular, é um belo feito e oxalá possa disputar muitos mais", explicou o capitão.
 

O Real Madrid qualificou-se para as meias-finais da Champions naquele que foi o jogo 100 de Sergio Ramos na principal competição europeia. Nesta centena de encontros, o capitão somou 59 vitórias e marcou 10 golos. Esta temporada, disputou oito encontros na Champions, nos quais conseguiu seis triunfos e marcou um golo. As temporadas em que maior número de jogos disputou foram as de 2011-2012 e 2013-2014, com 11.

Ramos: "O Real Madrid foi melhor"
“Sabíamos que o Bayern nos ia pôr as coisas muito complicadas. Tem jogadores de nível muito elevado, mas penso que o Real Madrid foi melhor. Não nos conformamos com as meias-finais. O objectivo era eliminar um dos favoritos, que era um dos mais fortes, e agora temos de ver que equipas se apuram. Seria uma falta de respeito falar da final, primeiro devemos centrar-nos no adversário que nos calhar”.

Cem jogos na Champions
“No plano pessoal também estou contente. Chegar aos cem jogos na Champions, e todos eles como titular, é um belo feito e oxalá possa disputar muitos mais”.

SABÍAMOS QUE O BAYERN NOS IA PÔR AS COISAS MUITO COMPLICADAS MAS PENSO QUE O REAL MADRID FOI MELHOR.

“Entendo o público e Cristiano. Dá sempre o máximo e pode ter bons ou maus jogos, mas depois de tudo o que nos deu, as pessoas deveriam pensar antes de assobiar. Mas o Bernabéu assobiou os mais grandes, quer sempre tirar o melhor de cada jogador”.

Árbitros
“Respeito todas as opiniões, mas não sei de que roubo se pode falar. Não vi as imagens. Os árbitros umas vezes dão e outras tiram”.

Palmarés
Sergio Ramos, que chega a esta marca na sua décima segunda temporada no clube branco, conta no seu palmarés com 2 Champions League, 2 Mundiais de Clubes, 2 Supertaças Europeias, 3 Ligas, 2 Taças do Rei e 2 Supertaças de Espanha.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Fora das opções continuam o internacional português Pepe, a recuperar de lesão, bem como o francês Varane.

transferir.jpeg 

O futebolista internacional galês Gareth Bale, que falhou os dois últimos jogos do Real Madrid, devido a uma lesão no músculo sóleo direito, regressou hoje aos treinos dos ‘merengues’, na preparação do clássico com o FC Barcelona.

 

Foi a primeira sessão de trabalho após a vitória na terça-feira na segunda mão dos quartos de final da Liga dos Campeões, no qual o Real Madrid venceu o Bayern Munique por 4-2, no prolongamento, e garantiu um lugar nas meias-finais.

 

Cristiano Ronaldo, com um ‘hat-trick’, que o tornou o primeiro futebolista a apontar 100 golos na ‘Champions’, foi a estrela do jogo, que Bale falhou, tal como já acontecera no fim de semana diante do Sporting Gijón (2-3).

 

De acordo com o Real Madrid, o treino de hoje permitiu que os titulares na ‘Champions’ fizessem exercícios com bola e trabalho de ginásio.

 

Na segunda-feira, antes do jogo com Bayern Munique, o técnico Zinedine Zidane já tinha dito que não contava com Bale para a Liga dos Campeões, mas espera ter o galês no importante encontro de domingo com o ‘Barça’.

 

Fora das opções continuam o internacional português Pepe, a recuperar de lesão, bem como o francês Varane.

 

No domingo a equipa joga também no Santiago Bernabéu frente ao rival FC Barcelona, num momento em que lidera a liga espanhola com 75 pontos, mais três do que o FC Barcelona, mas menos um jogo disputado.

 

in SAPO Desporto

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00

presi_marcelo_5AM8599Thumb.jpg 

"O importante é passar frente a uma equipa enorme e agora queremos mais", declarou o brasileiro.
 

Florentino Pérez entregou a Marcelo na Sala de Juntas do Santiago Bernabéu uma camisola pelos seus 400 jogos pelo Real Madrid. O brasileiro, que na primeira mão dos quartos-de-final, alcançou as 50 vitórias na Champions com a camisola branca, chega a esta marca na sua décima primeira temporada na equipa principal, pela qual conseguiu 286 vitórias e 28 golos.

O brasileiro analisou o triunfo sobre o Bayern: "Trabalhamos muito a parte física e no final estivemos bem nesse aspecto, por isso puder fazer aquela corrida no terceiro golo e, assim, ajudar a equipa. O importante era passar frente a uma equipa enorme, muito forte. Agora queremos mais".

Sorteio das meias-finais
"Não tenho qualquer preferência no sorteio. Estamos num bom momento. Acabámos cansados mas felizes. Eu não falo dos árbitros porque têm um papel muito difícil. Quando acertam, as pessoas não dizem nada. O Barcelona virá para tentar ganhar os três pontos e nós agora temos de descansar e ir jogo a jogo”.

TRABALHAMOS MUITO A PARTE FÍSICA E POR ISSO PUDE FAZER AQUELA CORRIDA NO TERCEIRO GOLO.

Desde a sua estreia como madridista, na época 2006/07, Marcelo conquistou 2 Champions League, 2 Mundiais de Clubes, 2 Supertaças Europais, 3 Ligas, 2 Taças do Rei e 2 Supertaças de Espanha.

Os seus 400 encontros dividem-se entre seis competições: Liga (287), Champions League (75), Taça do Rei (26), Supertaça de Espanha (6), Mundial de Clubes (4) e Supertaça Europeia (2). A temporada em que disputou mais jogos foi a de 2014-15, com 53. Na actual, Marcelo participou em 39 encontros, somando 30 vitórias e três golos.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00

Capas dos Jornais (20/04/2017)

por Pedro Silva, em 20.04.17

marca.jpg

as.jpg 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00



Calendário

Abril 2017

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18



subscrever feeds