Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


_3AM3302_ULTRAThumb.jpg 

Os blancos efectuaram um encontro brilhante e bateram o seu adversário graças aos golos de Asensio e Bale.

 

a sua preparação para a nova época, o Real Madridcontinuou a ganhar ritmo e sensações na International Champions Cup e fechou a digressão americana de 2018 com um concludente triunfo sobre a Roma. Os blancos, que foram superiores ao adversário, fizeram um grande jogo e, graças aos golos de Asensio e Bale, conseguiram a segunda vitória da pré-temporada. 

O vendaval madridista eclipsó a tempestade eléctrica que atrasou o começo da partida no Metlife Stadium de East Rutherford (Nova Jersey). Gareth Bale foi o encarregado de liderar a grande actuação dos homens de Lopetegui, que não demoraram a adiantar-se no marcador. Logo após o apito inicial, o galês inventou um passe sensacional de trivela para as costas da defesa romana que encontrou Asensio que, por sua vez, na cara de Olsen, marcou o seu terceiro tento deste Verão.    

O segundo foi obra de Bale
Apesar de os italianos terem tentado reagir, pondo à prova Keylor Navas com um potente remate de Dzeko, o Real Madrid manteve o nível de intensidade e aumentou a vantagem poucos minutos depois. Não estava ainda cumprido o primeiro quarto-de-hora quando, após uma bola longa de Carvajal, o próprio Bale numa demonstração da sua velocidade, fintou Marcano e bateu o guardião sueco, fazendo o segundo golo do jogo. 

ASENSIO MARCOU TRÊS GOLOS NESTA EDIÇÃO DA INTERNATIONAL CHAMPIONS CUP.

Confortáveis em campo, os blancos acabaram por fazer uma grande primeira parte. Tomaram conta da zona intermediária, não concederam espaços na defesa e criaram perigo antes do intervalo: Benzema obrigou Olsen a aplicar-se, aos 37', Fazio salvou em cima da linha de golo um remate de Asensio logo a seguir e, aos 43’, Ceballos roçou o poste com um disparo de fora da área.

Rotações 
Como habitual na pré-temporada, Lopetegui repartiu minutos entre os seus jogadores na segunda metade. Um dos recém entrados em campo, Vinicius Jr., esteve prestes a marcar um golaço ao ângulo aos 60', mas o remate saiu ligeiramente ao lado. Apesar de o conjunto madridista ter mantido o controlo da partida até final, a Roma reduziu a diferença aos 83', por intermédio de Strootman.

 

Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:04

_HE10542_ultraThumb.jpg 

Bale, com um sensacional remate da zona frontal, marcou o primeiro golo do Real Madrid, que foi superior ao campeão italiano.

 

O Real Madrid ganhou de com todo o mérito o segundo jogo da pré-temporada, que parecia complicar-se aos 12 minutos, na sequência do autogolo de Carvajal. A partir dessa altura e até ao final da primeira parte, o domínio pertenceu aos blancos, que estiveram perto da igualdade, aos 25', mas o remate de Bale dentro da área saiu demasiado por cima do travessão. Quatro minutos mais tarde, foi a vez de Isco tentar o empate, tendo o seu disparo, tenso, acabado por não beijar as malhas por muito pouco.


Continuavam a atacar os madridistas e aos 39' obtiveram o merecido prémio. Ceballos recuperou a bola na pressão alta tão comum no estilo de jogo de Lopetegui, tendo Bale, na zona frontal, dominado o esférico ao primeiro toque e ao segundo aplicado um violento e preciso remate. A estirada de Szczesny não evitou o golo. Os merengues podiam chegar ao descanso na frente do marcador: aos 42´, Reguilón fez uma investida interior e o seu disparo de longa distância obrigou o guarda-redes da Juventus a brilhar.

SEGUNDA PARTE ESPECTACULAR DO REAL MADRID.

No regresso dos balneários, Odriozola, Vinicius, Asensio, Lucas Vázquez e Llorente sustituíram Carvajal, Bale, Benzema, Isco e Kroos. E foram precisamente dois dos recém-entrados que, aos 47', se tornaram protagonistas do golo que colocou o campeão europeu em vantagem. O contra-ataque foi rapidíssimo, a assistência de Vinicius foi uma obra-prima e a finalização de Asensio, ao primeiro toque, foi de uma precisão incrível.

Bis de Asensio
Apesar de estarem na frente do marcador, os madridistas continuavam a atacar e a procurar abertas na muralha defensiva italiana. Conseguiram descobrir um pequeno buraco aos 56', quando Lucas Vázquez fez o passe para Asensio, que executou uma finta endiabrada sobre Benatia e superou Szczesny através de um remate de biqueira de recurso. Bis do internacional espanhol, que acabra de entrar apenas onze minutos antes.

A Juventus ainda teve duas oportunidades para reduzir a desvantagem, em jogadas semelhantes, mas Lunin revelou-se um muro e esteve magnífico na primeira delas, ao defender um remate cruzado de Cancelo. Chiellini, num livre ensaiado, foi o obreiro da segunda oportunidade, desviada no cara a cara com o ucraniano. O novo guarda-redes do Real Madrid voltou a ter de recorrer aos seus excelentes reflexos, na sequência de uma preciosa execução de um livre por parte de Bernardeschi, aos 81’. Vitória do Real Madrid no segundo teste de pré-temporada. Segue-se a Roma, na próxima quarta-feira, no MetLife Stadium, sendo o conjunto italiano o último adversário desta digressão estival nos Esztados Unidos.

 

artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:37

Real Madrid News

por Pedro Silva, em 29.04.18

Noticias Real Madrid.png

  • DECLARAÇÕES DE BALE SOBRE O BAYERN DÃO QUE FALAR

«No futebol, nada se pode descartar. Neste momento jogo no Real Madrid e sinto-me bem. O Bayern tem uma equipa fantástica e sempre foi um dos clubes com mais sucesso na Europa. Ser associado a um clube como o Bayern é uma honra para qualquer jogador, mas agora sou jogador do Real Madrid», disse o internacional galês ao diário Bild.

 

ABOLA (25/04/2018, 11h31) 

 

  • O 11 PREFERIDO DOS ADEPTOS PARA DEFRONTAR O BAYERN

Oito jogadores parecem inquestionáveis na bolsa de apostas dos fãs, numa votação online e com números revelados ao final da manhã: Carvajal, Sergio Ramos, Cristiano Ronaldo, Varane, Marcelo, Keylor Navas, Modric e Kroos; mais de 94% escolheram estes jogadores.

 

ABOLA (25/04/2018, 16h14) 

 

  • AO 12.º JOGO, RONALDO FICOU EM BRANCO NA CHAMPIONS

O internacional português, que leva 15 tentos na presente edição da prova, liderando a lista de melhores marcadores, estava a marcar há 11 jogos consecutivos (10 esta época e no jogo da final da temporada passada), recorde de sempre na história da competição.

 

ABOLA (25/04/2018, 21h56) 

 

  • «PODEMOS FAZER MELHOR, MAS ESTAMOS SATISFEITOS COM A VITÓRIA»

«Podemos estar satisfeitos com o resultado. Tivemos dificuldades no início do jogo, custou-nos sair com bola, mas estivemos melhor na segunda parte. Ganhar aqui não é fácil. Se podemos fazer melhor? Sim, mas podemos estar satisfeitos», começou por dizer o treinador francês.

 

ABOLA (25/04/2018, 22h54) 

 

  • «ESTAVAM À ESPERA DE QUE VIÉSSEMOS A MUNIQUE GANHAR 3-0…»

«As pessoas estavam à espera que viéssemos aqui ganhar 3-0, mas este Bayern é uma grande equipa. Sabíamos aquilo que nos esperava. Jogámos muito bem, num grande estádio, marcámos dois golos e estivemos bastante sólidos. Soubemos defender e roubar-lhes o espaço. Demos o primeiro passo, mas a eliminatória ainda não está fechada», afirmou o defesa dos madrilenos à UEFA, após a partida.

 

ABOLA (25/04/2018, 22h55) 

 

  • A FARPA DE SERGIO RAMOS A MOURINHO

«O treinador do Real Madrid será sempre muito questionado. Eu passei sete anos aqui sem ganhar uma Champions e alguns desses treinadores nem sequer eram criticados», disparou o central, após o triunfo (2-1) diante do Bayern, palavras interpretadas pela Imprensa espanhola como uma clara alusão ao treinador português, o qual orientou o Real Madrid entre 2010 e 2013.

 

ABOLA (26/04/2018, 09h18) 

 

  • «BENZEMA DÁ ZERO AO REAL MADRID E BALE FICA NO BANCO?»

Suplente não utilizado em Munique, Gareth Bale terá os dias contados no Real Madrid. É, pelo menos, essa a convicção de três antigas glórias do futebol inglês.

 

ABOLA (26/04/2018, 13h46) 

 

  • CARVAJAL FALHA SEGUNDA MÃO COM O BAYERN MUNIQUE

Segundo o diário MARCA, o lateral espanhol Dani Carvajal irá desfalcar o Real Madrid na receção ao Bayern Munique, na próxima terça-feira, jogo a contar para a segunda mão das meias finais da Liga dos Campeões.

 

ABOLA (26/04/2018, 16h59) 

 

  • ISCO TAMBÉM DEVERÁ SER AUSÊNCIA NA SEGUNDA MÃO COM O BAYERN

Para além de Carvajal, a contas com um problema muscular numa coxa, Zidane também não deverá poder contar com Isco, médio criativo, para o segundo jogo da meia-final da Champions com o Bayern Munique, marcado para terça-feira, no Bernabéu.

 

ABOLA (26/04/2018, 19h11) 

 

  • ASENSIO E VÁZQUEZ: NEM IMAGINA QUANTO PAGOU O REAL POR ESTES DOIS CRAQUES

Apesar de não serem titulares indiscutíveis, os dois jogadores somam muitos minutos e vão ganhando peso na estrutura de Zidane. E a verdade é que o esforço financeiro foi baixíssimo, para as finanças de um clube como o Real.

 

ABOLA (26/04/2018, 19h57) 

 

  • RONALDO PEDE GUEDES PARA O LUGAR DE BALE

O portal Don Balonavançou com o nome de Gonçalo Guedes, uma recomendação que chegou aos gabinetes merenguesvia Cristiano Ronaldo.

 

ABOLA (27/04/2018, 17h20) 

 

  • «ESPERO JOGAR COM NEYMAR NO REAL MADRID»

«Se Deus quiser, eu e Neymar jogaremos juntos no Real Madrid. Espero que ele assine pelo Real porque seria um sonho jogar na mesma equipa que ele… é o meu ídolo. Ficaria muito feliz se tivesse essa oportunidade», disse a jovem promessa de 17 anos ao The Guardian.

 

ABOLA (27/04/2018, 17h57) 

 

  • «RONALDO NÃO É SÓ TALENTO E QUALIDADE»

«Todos os dias agradeço a Deus por ter sido beneficiado com o dom de jogar futebol. Deu-me este presente e quero melhor todos os dias para ficar mais forte. Neste sentido, Cristiano Ronaldo é a minha inspiração. Admiro o que fez nestes últimos dez anos, sempre a jogar ao mais alto nível. Não é só talento e qualidade, é também trabalho duro. Espero ter a oportunidade de lhe dizer isto um dia», disse em entrevista ao The Guardian. 

 

ABOLA (27/04/2018, 18h15) 

 

  • MÁS NOTÍCIAS PARA ISCO

O criativo jogador dos `merengues´ lesionou-se com alguma gravidade no braço esquerdo em Munique, tendo sido substituído por Asensio ao intervalo.

 

ABOLA (28/04/2018, 10h14) 

 

  • REAL MADRID COM TRÊS NOMES PARA REFORÇAR ATAQUE

Segundo revela a edição deste sábado da MARCA, o nome do polaco Robert Lewandowski não consta na lista de objetivos do Real Madrid para a próxima temporada.

 

ABOLA (28/04/2018, 16h11)  

 

  • «TEMOS DE FAZER O QUE AINDA NÃO FIZEMOS ESTA ÉPOCA»

«É o nosso jogo, o jogo da época. Estamos bem mas isso nada significa, temos de fazer um jogo enorme. Teremos de fazer o que ainda não fizemos esta época, ao nível da concentração, dos duelos… em tudo, se quisermos estar nessa final», alertou o treinador francês.

 

ABOLA (29/04/2018, 09h29) 

 

  • «BENZEMA? TALVEZ OUTROS ESTEJAM PREOCUPADOS»

«Benzema? Vou pôr o meu sorriso. E dizer que nada se passa, vejo-o como sempre. Talvez ele precise de sorrir mais para mostrar-vos que está bem. Eu vejo-o bem. Talvez outros estejam preocupados, eu não», frisou o treinador francês.

 

ABOLA (29/04/2018, 11h05) 

 

  • «BALE? NÃO OLHO A ESTATUTOS»

«O que é que ele tem de fazer para jogar na terça-feira? O que tem feito até aqui: trabalhar. Vocês [jornalistas] não sabem quem irá jogar», constatou o treinador francês.

 

ABOLA (29/04/2018, 12h51) 

 

  • OS NÚMEROS SURPREENDENTES DE RONALDO COM ZIDANE

Pois bem, segundo dados do diário AS, desde que Zidane assumiu o cargo de treinador da equipa merengue, Ronaldo foi poupado em 19 ocasiões: oito em 2016/2017 e onze na corrente temporada.

 

ABOLA (29/04/2018, 13h51)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:02

Alguma sorte e muito controle

por Pedro Silva, em 25.04.18

imgS620I219747T20180425220044.jpg 

imagem retirada de zerozero

 

Jogo interessante onde me pareceu que Zidane terá feito tudo e mais alguma coisa para o tornar o mais complicado possível para a sua equipa. E digo tal por causa do onze inicial que o técnico francês resolveu escalar para fazer face a um pressionante (e algo azarado) Bayern München. Não admirou, portanto, que a equipa alemã tivesse sido a primeira a marcar golo depois de uma série de ameaças à baliza de Keylor Navas. Contudo o “estofo de campeão” da equipa «blanca» veio ao de cima e foi muito por isto que Marcelo empata a partida ainda antes do intervalo. Ao intervalo «Zizou» “mexeu” (finalmente!!) na equipa e acabou por a vencer dado que o recém entrado Marco Asensio acabou por ser o autor de uma jogada fenomenal que só acabou com o atleta espanhol a introduzir a bola dentro da baliza germânica.

 

Em suma; penso que se pode dizer que o Real Madrid CF é um justo vencedor. Não pelo que fez em campo, mas sim pela calma que demonstrou diante de uma equipa bávara que desde cedo não fez outra coisa senão pressionar e tentar, vezes sem conta, marcar os golos que lhe permitissem ir ao Bernabéu com a eliminatória resolvida. Contudo, não obstante o resultado final e a tranquilidade da equipa «madridista», esta forma de estar em campo não me agrada. E não em agrada porque hoje as coisas correram bem, mas poderiam não correr nada bem. E também não percebi a insistência em Lucas Vásquez, um jogador que não ajudou Dani Carvajal a travar – com eficácia - o sempre perigoso Ribéry (foi ele o autor dos lances mais perigosos do Bayern), e a atacar o extremo espanhol foi sempre uma tremenda nulidade…. E isto com Gareth Bale no banco de suplentes…

 

Vamos a ver como vai isto t6erminar. Nada está decidido. A equipa «merengue» está em vantagem na eliminatória, mas eu tenho muitas dúvidas de que no próximo dia 1 de Maio o Bayern München vá a Madrid para fazer turismo. Há que melhorar muita coisa para se evitar determinadas complicações.

 

MVP (Most Valuable Player): Keylor Navas. O Real Madrid CF venceu na Alemanha muito por culpa do seu Guarda-redes. Navas foi decisivo (especialmente na segunda parte) ao ter realizado um punhado de defesas “do outro Mundo” que impediram a equipa germânica de empatar e/ou de vencer a partida.

  

Chave do Jogo: Apareceu ao intervalo, altura em que Zidane retira Isco de campo para no seu lugar colocar Marco Asensio. Asensio acabaria por ser o autor do golo da vitória «blanca» para além de ter trazido consigo a o equilíbrio táctico de que a sua equipa estava a necessitar.

 

Arbitragem:  Bjorn Kuipers teve uma actuação que aqui e acolá foi um tudo ou nada “caseirinha”. Podia. E devia, ter sido mais rígido na amostragem de alguns cartões amarelos aos jogadores do Bayern. Esteve bem ao anular o golo de Cristiano Ronaldo dado que o internacional português dominou a bola com a mão.

 

Positivo: Zinédine Zidane, Escolheu mal o onze inicial mas ao intervalo teve a lucidez e sensatez de perceber que errou. O Real Madrid está em vantagem na eliminatória muito por culpa do técnico gaulês. Escusava era de ter arriscado tanto.

 

Negativo: Isco. Uma enorme nulidade em campo. Não fez uma jogada com princípio, meio e fim enquanto esteve em campo. Depois disto, Isco que vá para a Comunicação Social dizer que tem de jogar com mais regularidade.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:08



Calendário

Fevereiro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18