Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



História do Real Madrid CF (1921-1930)

por Pedro Silva, em 07.03.18

CopaRegional_historia.png

No começo da década de 20, o Madrid Football Club voltou ao papel de pioneiro do futebol espanhol. A instituição «blanca» levou a cabo uma série de saídas ao estrangeiro, facto que a tornou numa referência internacional.

 

Perante essa transcendência, o clube fez mais duas mudanças de estádio nesta altura. Primeiro para o Estádio Velódromo de Ciudad Lineal e, posteriormente, construiu-se o Estádio de Chamartín. Foi este último que recebeu o primeiro encontro do recentemente criado Campeonato Nacional de Liga de Primera División (1928).

 

A outra grande mudança do clube ocorreu a 29 de Junho de 1920. Neste dia, Sua Majestade o Rei Afonso XIII de Espanha concede ao clube o título de "Real". “Nasceu” então o Real Madrid Club de Fútbol. Na memória da «casa blanca» ficará para sempre a sua primeira denominação de Madrid Football Club.

 

Aquilo que no início do século parecia um projecto amador, começava a adquirir uma dimensão inigualável. Uma grande percentagem da população espanhola praticava futebol ou, no mínimo, tinha-se tornado espectadora da modalidade. A medalha de prata conquistada pela Selecção de Espanha nos Jogos Olímpicos de Antuérpia (1920) ajudou a fomentar ainda mais esta paixão. Abria-se, então, um novo panorama para o clube «merengue».

 

Foi sob estas circunstâncias que nasceu o Campeonato Nacional de Liga de Primera División. Para trás tinham ficado os enormes problemas organizativos do futebol espanhol. As partes envolvidas concordaram com a criação de três Divisões. Na Primeira jogariam os seis campeões de Espanha, os três vice-campeões e o vencedor de um torneio de promoção entre os clubes da Segunda. Era a génese de uma grande competição na qual começaram a participar equipas oriundas de todos os cantos do país.

 

MUDANÇAS DE ESTÁDIO: VELÓDROMO E CHAMARTÍN (15.000 ESPECTADORES)

GALERIA+1,1.jpg

O imparável crescimento do número de adeptos obrigava a procurar novos recintos. O campo de O’Donnell já tinha ficado pequeno. O Real Madrid CF efectuava, assim, uma primeira mudança para o Estádio Velódromo Ciudad Lineal (na imagem em cima).

 

Posteriormente este muda-se para o famoso Estádio de Chamartín (na imagem em baixo) . Os jogos da equipa «blanca» já podiam, desta forma, ser seguidos ao vivo por 15.000 espectadores. Um verdadeiro acontecimento de massas na época!.

SLIDE+1+-+Traslado+al+campo+de+Chamartín,3.jpg 

PRIMEIRO LÍDER, O REAL MADRID (5-0 AO EUROPA)

 

O começo do Campeonato Nacional de Liga de Primera División não poderia ter sido melhor. Foi o duelo sonhado pela instituição branca. Nesse primeiro confronto da nova competição media-se ao Club Deportivo Europa no Estádio de Chamartín.

GALERIA+3,1.jpg 

O jogo foi perfeito por parte dos "pupilos" (na imagem em cima) de José Quirante. A goleada por 5-0 significou a primeira liderança da história. Foi um primeiro grande sinal.

 

CONTRATAÇÃO DE RICARDO ZAMORA

 

Após dois vice-campeonatos (um no Campeonato da Liga e outro no Campeonato de España) , houve um acontecimento que mudaria o rumo do Real Madrid CF.

 

O melhor guarda-redes de então, Ricardo Zamora, assinava pela equipa «blanca». Oriundo do Real Club Deportivo Español, a sua transferência obrigou a «casa blanca» a despender 150.000 pesetas (900 euros).

 

PALMARÉS DO MADRID FOOTBALL CLUB (1921 - 1930)

 

7 Campeonato Regional Centro

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:34




Agenda do Real Madrid



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (15/10/2018)


as (15/10/2018)


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18


Publicidade



Espectadores