Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


H_RAMOS_CARVAJAL_HE22060Thumb.jpg

Os blancos, que levam oito jogos seguidos invictos, regressam ao Bernabéu após três exigentes encontros fora de casa.

O Real Madrid regressa ao Santiago Bernabéu 14 dias depois do seu último encontro como anfitrião e depois de disputar três exigentes testes consecutivos fora de casa (BarcelonaAtlético de Madrid e Ajax). Pela frente estará o Girona, naquele que será o quarto confronto entre as duas equipas esta temporada (11:00, hora portuguesa).

O objectivo do campeão da Europa, que disputa o seu quarto jogo neste duro mês de Fevereiro é dar seguimento ao excelente momento de forma que está a protagonizar e que lhe permitiu encadear 8 encontros sem perder. Na Liga, os homens de Solari aspiram a somar a sua sexta vitória consecutiva.

Convocatória
“Adoramos competir e é um momento da temporada muito estimulante. Estamos unidos e com o objectivo claro de ganhar”, afirmou Solari na conferência de imprensa de antevisão do encontro. O técnico do Real Madrid não poderá contar com os lesionados Isco e Marcos Llorente, nem com o castigado Modric. Pelo contrário, naconvocatória de 20 jogadores incluiu Varane, que já está recuperado do processo gripal que o impediu de jogar na quarta-feira passada no Johan Cruyff Arena.

REAL MADRID E GIRONA DEFRONTAM-SE PELA QUARTA VEZ ESTA TEMPORADA.

O Girona não chega no seu melhor momento da época. Com dez encontros consecutivos sem ganhar na Liga (quatro empates), está, no começo da jornada, apenas um ponto acima do Rayo Vallecano, o melhor classificado de entre os três que ocupam os lugares da descida. Além de que o seu técnico, Eusebio, não poderá contar com o castigado Bernardo, que foi expulso na jornada anterior. 

Empates no Camp Nou e no Wanda Metropolitano
Apesar de tudo, o conjunto catalão já deu provas claras do seu perigo esta temporada. Empatou no Camp Nou (2-2) e fez o mesmo no Wanda Metropolitano (3-3), acabando por eliminar o Atlético de Madrid da Taça do Rei. Stuani, com 12 tentos, é o seu melhor marcador no campeonato.

 

Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00

horiz2Thumb.jpg

Os blancos, que estão numa série de sete jogos invictos, querem dar o primeiro passo rumo aos quartos-de-final (20:00, hora portuguesa).

 
O vencedor das três últimas edições da Liga dos Campeões regressa dois meses após o seu último encontro na competição. Após terminar o grupo G no primeiro lugar, o Real Madrid tem hoje pela frente a primeira mão dos oitavos-de-final, contra o Ajax no Johan Cruyff Arena (20:00, hora portuguesa).

O objectivo dos madridistas no seu caminho para tentar revalidar o título é ganhar vantagem na eliminatória para resolver no Bernabéu a sua passagem aos quartos-de-final, a 5 de Março. Para o conseguirem, os blancos tratarão de dar seguimento ao excelente momento de jogo que estão a atravessar. Já levam sete partidas sem conhecer a derrota (seis vitórias e um empate) e quatro delas foram fora de casa.

Convocatória
“Encaramos o jogo com humildade e o mesmo espírito dos últimos encontros", declarou Solari na conferência de imprensa prévia a este encontro. O técnico do Real Madrid chamou 23 jogadores para o choque. Não viajaram os  lesionados Luca, Isco e Marcos Llorente. Os blancos, que não são eliminados nos oitavos desde há nove anos, venceram os seis últimos encontros contra o Ajax.

O MADRID ULTRAPASSOU AS ÚLTIMAS NOVE ELIMINATÓRIAS QUE DISPUTOU NA CHAMPIONS.

Pela frente estará o Ajax, que é a única equipa ainda em prova vinda das pré-eliminatórias, em que eliminou Sturm Graz, Standard de Liège e Dínamo de Kiev. O conjunto holandês, que no mercado de Inverno se reforçou com o defesa Lisandro Magallán e o guarda-redes Bruno Varela, não conheceu a derrota nos 12 jogos que disputou na presente edição da Taça dos Campeões (sete vitórias e cinco empates).

Invicto em casa
O Ajax, além disso, tem-se mostrado muito sólido esta temporada no Johan Cruyff Arena. De facto, está invicto nos 18 encontros oficiais que disputou, com um saldo espectacular de 15 vitórias e 3 empates. Dusan Tadic, com 22 tentos, é o melhor marcador da equipa, que se apurou para os oitavos da Champions pela primeira vez desde a época 2005/06. A partir desta ronda, a videoarbitragem entrará em funcionamento pela primeira vez na história da Taça dos Campeões Europeus.

 

Artigo publicado no site Reasl Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00

H1Thumb.jpg

Os blancos procuram a quinta vitória seguida na Liga e passar para segundos (15:15, hora portuguesa).
 
Depois do Clássico chega o dérbi. O Real Madrid enfrenta o segundo dos seus três grandes encontros consecutivos fora de casa. Depois do empate no Camp Nou e quatro dias antes de visitar o Ajax, os blancos centram-se agora no duelo do Wanda Metropolitano. Outro encontro de exigência máxima em que está em jogo o segundo lugar da Liga. Se conseguirem os três pontos, os homens de Solari ultrapassam o Atlético na classificação. 

A equipa chega ao dérbi num grande momento de jogo e resultados. Após encadear seis partidas sem conhecer a derrota, entre Liga e Taça, os blancos procuram somar esta tarde a quinta vitória seguida no campeonato. "Chegamos muito bem a este momento da temporada e no dérbi teremos de colocar a nossa intensidade, energia e futebol para sermos protagonistas desde o início", sublinhou Solari.

20 convocados
O técnico blanco convocou 20 jogadores. Varane e Carvajal, que cumpriram castigo diante do Alavés, regressam à lista. Também não falta Vinicius Jr., que se estreou pelo Real Madrid no dérbi da primeira volta. Desde então, o brasileiro foi crescendo até se tornar uma das peças-chave da boa série madridista.

INVICTOS NOS TRÊS ÚLTIMOS DÉRBIS FORA DE CASA PARA A A LIGA.

Por seu lado, o Atlético encara o dérbi com o objectivo de manter a sua condição de invicto esta temporada. De facto, é a equipa que mais pontos soma em casa na Liga, com nove vitórias e dois empates. O conjunto "rojiblanco" perdeu fora de casa com o Bétis, na última jornada, e por já ter sido eliminado da Taça, não teve jogo a meio da semana. Griezmann é o seu melhor marcador, com 10 tentos na Liga.

Igualdade
Como é habitual, espera-se um jogo de máxima intensidade e igualdade entre duas equipas que se conhecem na perfeição. Como exemplo, os quatro últimos confrontos para a Liga terminaram empatados. O Real Madrid, que conseguiu uma vitória e dois empates nos mais recentes dérbis do campeonato disputados no feudo "rojiblanco", espera manter a dinâmica das últimas semanas. Um jogaço na disputa do segundo lugar.

 

Artigo publicado no site Real Madrid CF

 

Consulte aqui a Lista de Convocados do Real Madrid CF para este jogo 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00

horiz5Thumb.jpg

Os blancos visitam Camp Nou num grande momento e com o objectivo de ganharem vantagem na eliminatória (20:00 h portuguesa)
 
Regressa o espectáculo do Clássico. Em menos de um mês, os adeptos vão desfrutar de três confrontos entre o Real Madrid e o Barcelona. Os dois primeiros vão decidir quem alcança a final da Taça do Rei. O Camp Nou recebe esta noite a primeira mão de uma eliminatória que fica resolvida a 27 de Fevereiro no Santiago Bernabéu. Grande jogo que os jogadores de Solari vão disputar no seu melhor momento da temporada.

Apesar de um Clássico ser sempre especial e imprevisível, o Real Madrid chega a Barcelona com umas sensações muito positivas. Além de ter vencido claramente os cinco últimos encontros, os blancos estão a realizar uma Taça quase perfeita. No seu caminho até às meias-finais conseguiram mais vitórias (5) e mais golos marcados (20) que o resto das equipas.

Benzema em grande forma
Aos bons resultados há que juntar o excelente nível do plantel. Solari tem vindo a recuperar os lesionados e no treino prévio ao jogo contou com todos os jogadores menos Luca. Entre eles destaca-se Benzema, que marcou nos quatro últimos encontros (seis golos). “Esperamos fazer um grande jogo e ganhar”, assinalou o técnico blanco.

INVICTOS NOS QUATRO ÚLTIMOS CLÁSSICOS DA TAÇA

Por sua parte, o Barcelona chegou às meias-finais depois de superar o Sevilha nos quartos-de-final. Antes, eliminou a Cultural Leonesa e o Levante. Os comandados por Valverde são os campeões em título e esta temporada somam quatro vitórias e duas derrotas nesta competição. Coutinho, com três golos, é o melhor marcador na Taça. A equipa azul grená empatou no sábado diante do Valência e interrompeu uma série de cinco triunfos consecutivos em Camp Nou.

Duelo histórico
Real Madrid e Barcelona defrontaram-se em 33 ocasiões na Taça do Rei. A última teve lugar na final de 2014, na qual um golaço de Bale decidiu o título. Os blancos estão invictos nos quatro últimos Clássicos desta competição. Uma série que vão tentar prolongar esta noite no primeiro assalto das meias-finais. 

 

Artigo publicado no site Real Madrid CF

 

Consulte aqui  a Lista de Convocados do Real Madrid CF para este jogo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:39



Agenda do Real Madrid


Calendário

Fevereiro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18


Publicidade



Espectadores