Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


_AV18963_HThumb.jpg

Os tentos de Gila, Miguel, Rodrigo (2) e Pedro (2) asseguram em Roma a liderança aos Juniores A quando falta um jogo.  

Sem Título.png

Com a qualificação nas mãos, os Juniores A tinham como objectivo assegurar a liderança do seu grupo na UEFA YouthLeague fora frente à Roma. E foi o que fizeram. A filial entrou lançada e sentenciou o confronto em apenas 20 minutos com os golos de Gila, Rodrigo e Miguel. No recomeço, de novo Rodrigo, pichichi da equipa, fez o quarto; e Pedro aumentou o resultado com um bis. Assim, os blancos certificaram a sua quinta vitória consecutiva e são a única equipa com pleno de triunfos nesta competição.  

Logo a iniciar o embate, avisou Alberto com um disparo de zona frontal, e logo depois chegaram os golos. Mario Gila inaugurou o marcador após uma falta cobrada por Miguel Baeza, e aos 9’ Rodrigofez o 0-2 culminando na pequena área uma jogada pela direita de Marvin. Antonio procurou o terceiro, mas a bola saiu a roçar o poste; e então a Roma despertou da sua letargia encontrando pela frente um magnífico Altube. A sentença chegou a meio da primeira parte desde o lado esquerdo, com um tento de Miguel em contra-ataque.

Reacção dos locais 
No entanto, a Roma demonstrou ser um digno rival e apesar do resultado desfavorável, continuou a procurar a baliza blanca e a imprimir intensidade ao jogo. Assim apareceu o golo dos locais por intermédio de Riccardi (59’). As ocasiões sucediam-se e Rodrigo e Baeza estiveram isolados frente ao guarda-redes. O brasileiro não perdoou à segunda e fez o 1-4 após uma assistência de AlbertoPedro fechou o resultado com um bis nos descontos. Objectivo cumprido para a filial, que venceu em Roma contundentemente.

 

Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:35

_HE18969_ULTRAThumb.jpg

O campeão da Europa impôs-se no Olímpico graças aos golos de Bale e Lucas Vázquez numa grande segunda parte.

Sem Título.png

O rei da Europa já está nos oitavos-de-final. À falta de uma jornada para que conclua a Fase de Grupos, o Real Madridgarantiu a sua presença como cabeça-de-série no sorteio de 17 de Dezembro. Fê-lo com um sólido triunfo por 0-2 no campo da Roma, seu principal adversário no grupo. Bale Lucas Vázquez marcaram os golos numa excelente segunda parte da equipa de Solari.


Roma e Real Madrid entraram no relvado do Olímpico já apurados na sequência da derrota do CSKA. No entanto, estava em jogo o primeiro lugar e isso notou-se pelo ritmo e intensidade a que se assistiu logo desde início. Sem um dominador claro, as duas equipas chegavam com perigo à área adversária. Modric, após uma bela jogada colectiva, foi o primeiro a pôr Olsen à prova (20'). A Roma, que perdeu El Shaarawy por lesão, respondia com cruzamentos para a área e jogadas de bola parada.

Oportunidades
À passagem da meia hora, os italianos empurraram a equipa de Solari para trás à base de cantos. Uma oportunidade dos anfitriões terminou numa grande defesa de Courtois a remate de Schick e um remate posterior de longa distância de Kolarov saiu ao lado. Kroos e Modric deram a resposta com tiros de fora da área que não acertaram no alvo. Nos descontos da primeira parte, a Roma roubou uma bola em zona perigosa mas Ünder não acertou diante de Courtois.

O MADRID ULTRAPASSOU AS 27 FASES DE GRUPOS QUE DISPUTOU.

Se o primeiro tempo terminou com uma Roma perdulária, o segundo arrancou com o Madrid a aproveitar um erro do adversário. Uma tentativa de passe para trás de Fazio deixou isolado Bale, que controlou a bola e fez o 0-1 (47'). Praticamente sem deixar respirar, Zaniolo quase fez o empate, mas o seu remate foi aliviado por Carvajal. Com o resultado favorável, começaram a aparecer os espaços. Bale, depois de ter ganho as costas à defesa italiana, não marcou no um contra um frente a Olsen (50’).

O golo de Lucas Vázquez
O Madrid estava muito mais à vontade na segunda parte e depressa conseguiu o 0-2. Marcos Llorente roubou a bola e deu início a um contra-ataque que terminou em cruzamento de Bale, assistência de Benzema e golo de Lucas Vázquez (59’). Os blancos eram donos e senhorers do jogo e procuravam dilatar a vantagem no marcador. Marcelo e Benzema estiveram perto, mas encontraram-se com Olsen. Solari distribuiu minutos e fez entrar Mariano, Valverde e Asensio. No final, triunfo por 0-2 e o Real Madrid mantém o seu pleno de Fases de Grupos ultrapassadas.

 

Artigo publicadio no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00

(2)_HE15939_HORIZONTALThumb.jpg 

Depois de fechar o apuramento para os oitavos da Champions, os blancos regressam ao seu estádio 20 dias após o último jogo (15:15 hora portuguesa).
 
A Liga regressa ao Santiago Bernabéu. Vinte dias depois do último jogo em casa, o Real Madrid volta a jogar diante dos seus adeptos. O estádio blanco assume protagonismo nas próximas jornadas e receberá quatro dos cinco jogos da equipa até ao Mundial de Clubes. O primeiro será esta tarde contra o Málaga  na décima terceira jornada do campeonato. 

Os blancos procuram a vitória sobre o conjunto andaluz para tentar reduzir distâncias, tendo em conta o Valência-Barcelona de amanhã. A exibição da passada terça-feira em Chipre é o caminho a seguir. A equipa conseguiu a qualificação para os oitavos da Champions num jogo em que mostrou grande capacidade ofensiva e muita solidez na retaguarda. De facto, frente ao APOEL somou o terceiro encontro seguido sem sofrer golos, o nono no que vai de temporada.

O REAL MADRID GANHOU OS 3 ÚLTIMOS JOGOS DA LIGA EM CASA SEM SOFRER GOLOS.

“Sabemos que será outro jogo difícil e teremos de jogar muito bem”, destacou Zidane na antevisão. Para este compromisso, o técnico blanco convocou 19 jogadores. Destacam-se os regressos à lista de Keylor Navas e Kovacic, já recuperados das respectivas lesões. Protagonistas da goleada em Nicósia, Cristiano Ronaldo e Benzema esperam repetir as suas boas exibições frente ao Málaga, a quem, entre ambos, marcaram 23 golos.

A Liga 33
Depois de ter iniciado a temporada com maus resultados, o Málaga melhorou as suas sensações, tendo ganho dois dos seus últimos três jogos. Os homens de Míchel somam 7 pontos e precisam de um resultado positivo no Bernabéu para escalar posições na classificação. "A equipa está a demonstrar que está viva e a nossa ambição intacta", sublinhou o técnico. O saldo de confrontos anteriores entre os dois conjuntos é favorável ao Real Madrid. Os blancos estão numa série de 9 jogos invictos contra o Málaga e no último sagraram-se campeões da Liga no La Rosaleda.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Nenhum outro clube iguala este registo na história da competição.
 

112-543-_HE21258_HOIThumb.jpg

Nenhum outro clube iguala este registo na história da competição.

 

O Real Madrid goleou o APOEL no GSP Stadium de Nicósia e carimbou a sua qualificação para os oitavos-de-final da Champions League. O apuramento dos blancos para a fase seguinte da principal competição continental dá sequência a uns números espectaculares e inéditos na prova. O Real Madrid ultrapassou todas as Fases de Grupos em que participou, sendo o único clube que o conseguiu entre os que disputaram um mínimo de duas.

Desde a sua estreia no formato Champions na temporada 1995/96, são já 26 as ocasiões em que os blancos passaram a Fase de Grupos. A partir daí, com a excepção de 1996/97, em que não participaram, sempre passaram a fase de liguilhas. Aqui inclui-se a segunda Fase de Grupos que se disputou entre as épocas 1999/2000 e 2002/03.
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:00



Calendário

Fevereiro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18