Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Bem-vindo Luka!

por Pedro Silva, em 31.03.18

imgS620I217886T20180331193718.jpg 

imagem retirada de zerozero

 

Jogo simples que Luka Modric soube tornar ainda mais simples não obstante o adversário (e dono da “casa” nesta partida) ser uma das equipas mais fracas da actual edição de La Liga. È assim que me apraz descrever, com a maior simplicidade possível, a vitória robusta que a equipa «blanca» alcançou mas Canárias diante do UD Las Palmas.

 

Face ao onze apresentado por Zidane, difícil era encontrar quem tivesse a ideia de que tudo iria correr bem. Especialmente olhando para o passado recente em que o técnico francês do Real Madrid CF apostou na rotatividade – quase – total. Para mais a ideia que eu tinha (e ainda tenho), é a de que é uma loucura não se aproveitar o memento em crescendo de forma de Cristiano Ronaldo, contudo hoje um dos internacionais croatas que alinham na equipa «madridista» retirou-me toda e qualquer razão de receio e de crítica.

 

É óbvio que há que aqui dizer que este UD Las Palmas é muito (mesmo muito!) “tenrinho”. A equipa balear até que deu luta. Os atletas do Las Palmas tiveram, inclusive, momentos em que obrigaram Keylor Navas a ter de efectuar uma outra defesa mais “ape4rtada”, mas estes foram sempre muito ingénuos na hora de defender.

 

Alberto Aquilani e Halilovic (que grande jogador!) bem que tentaram dar um certo “ar da sua graça”. Estes tiveram momentos em que complicaram a vida a uma – totalmente – renovada linha defensiva do Real Madrid CF, mas para se pontuar diante de uma equipa como o Real Madrid não basta “apostar todas as fichas” num Guarda-redes inspirado. Chichizola bem que dava o tudo por tudo na defesa da sua baliza, mas este pro si só não chegou para fazer face à dupla Modric/Bale. Bastou um passe em profundidade de Luka para que Gareth fizesse o golo que “deitou por terra” toda a boa vontade da equipa de Paco Jémez. Depois deste golo o que vi foi um UD Las Palmas completamente rendido à pressão de ser uma das piores equipas do campeonato de «Nuestros Hermanos» e uma equipa «merengue» a desperdiçar golo atrás de golo.

 

No fundo e no cabo o que de melhor se pode retirar deste jogo é que este serviu para “encher” a moral dos menos utilizados de Zidane. Tal poderá vir a ser um factor decisivo dado que a «casa blanca» parece querer “apostar todas as fichas na Champions”. Vamos a ver o que vai acontecer na próxima Terça diante da Juventus.

 

MVP (Most Valuable Player): Luka Modric. Bem que poderia ter nomeado Gareth Bale como o MVP deste jogo, mas não o vou fazer. Não que o internacional galês não tenha jogado bem (calou, mais uma vez, muito má gente), mas sou da opinião que Luka Modric realizou uma exibição como já há não se via. Excelente a pautar todo o jogo ofensivo e defensivo da equipa «blanca» e ainda teve tempo para fazer o passe em profundidade que deu origem ao primeiro golo do Real Madrid CF. Bem-vindo de volta Luka!

  

Chave do Jogo: Esta apareceu no minuto 26', altura em que Gareth Bale marcou o primeiro golo da partida colocando, desta forma, um tremendo ponto final à capacidade de luta do UD Las Palmas. A partir deste momento só deu Real Madrid não obstante a enorme vontade de lutar de Halilovic.

 

Arbitragem: González Fuertes até que poderia ter realizado uma boa arbitragem se tivesse procurado aplicar o mesmo critério para ambas as equipas. Este esteve bem ao assinalar as duas grandes penalidades a favor do Real Madrid CF, mas nos 10 minutos finais da partida “perdoou” duas grandes penalidades à equipa da capital espanhola para além de ter feito “cista grossa” a algumas entradas duras dos defesas da equipa «blanca».

 

Positivo: Rotação com Modric. Embora eu não seja grande adepto da rotação total, a verdade é que hoje Zidane apostou bem na dita rotação e com esta poderá ter ganho um plantel e um médio que há muito que andava arredado das boas exibições.

 

Negativo: Displicência ofensiva. Não se deve olhar para um jogo de uma forma tão descontraída. Mesmo que vantagem já esteja nos três a zero. Tanto golo falhado na fase final da partida pode muito bem custar pontos caso do outro lado estivesse um adversário bem mais capaz do que este Las Palmas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:30

Golos com História: Zidane

por Pedro Silva, em 29.03.18

HORIZONTALZIDANE-CELEBRA-GOL1Thumb.jpg

Na temporada 2001/02, marcou um um magnífico livre directo no estádio insular frente ao Las Palmas. 
 
Esta semana em Golos com História o protagonista é Zinedine Zidane. O médio francês chegou ao Real Madrid no Verão de 2001, após ter jogado cinco épocas na Juventus de Turim. Bola de Ouro em 1998, ano em que ajudou a selecção francesa a ganhar o Mundial, Zidane foi um dos melhores médios da história do futebol, graças à sua grande qualidade técnica e visão de jogo.
 
O golo que destacamos esta semana aconteceu a 3 de Outubro de 2001, num jogo entre o Las Palmas e o conjunto blanco. Zidane fez valer a excelente apetência na cobrança de livres directos e marcou um golaço: graças a um poderoso remate com o pé direito, conseguiu fazer a bola sobrevoar a barreira e entrar no canto superior esquerdo da baliza adversária. No final dessa temporada, o gaulês foi protagonista na nona Taça dos Campeões Europeus  ao marcar um golo de antolgia.

Zidane vestiu a camisola do Real Madrid durante cinco temporadas, tendo disputado 227 jogos oficiais e marcado 49 golos. Como jogador do conjunto merengue conquistou seis títulos: 1 Taça dos Campeões Europeus, 1 Taça Intercontinental, 1 Supertaça da Europa, 1 Liga e 2 Supertaças de Espanha.
 
Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:12

Zidane desvaloriza enfado de Cristiano Ronaldo

por Pedro Silva, em 25.09.16

imgS620I181610T20160924231735.jpg 

O internacional português Cristiano Ronaldo procura ainda a melhor forma física após a lesão sofrida na final do Campeonato da Europa e, nesse sentido, tem surgido apenas a espaços neste arranque de temporada em Espanha, ao serviço do Real Madrid.

 

Ao contrário do que aconteceu na temporada passada, na qual cumpriu todos os minutos das primeiras 34 jornadas da La Liga, Ronaldo contabiliza apenas quatro jogos esta época, tendo sido substituído em dois deles. Uma situação não muito normal durante a carreira do craque luso, que demonstrou algum desagrado com a substituição esta noite, frente ao Las Palmas (2x2).

 

«Cristiano quer ficar sempre em campo, mas temos jogo terça-feira para a Champions.Tem de descansar. Estava a jogar bem, mas tenho de escolher. Esta noite decidi tirá-lo a pensar no jogo de terça», explicou Zinedine Zidane.

 

O momento da substituição, onde é possivel ver Cristiano com um ar pesado, tornou-se viral e mereceu um comentário por parte do treinador dos merengues.

 

«É uma questão de interpretação. Claro que quer ficar sempre em campo, mas tenho de pensar nos meus jogadores e, de forma particular, em Cristiano. Temos um jogo terça...», insistiu Zidane.

 

in zerozero

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:41

_1AM6016_uThumb.jpg 

Asensio e Benzema marcaram os golos do Real Madrid, que desperdiçou várias oportunidades para conseguir a vitória.

 

O Real Madrid não teve sorte no estádio de Gran Canária e empatou com o Las Palmas num encontro em que teve pela frente um inspiradíssimo Javi Varas e sofreu um golo nos minutos finais numa jogada fortuita em que Araujo beneficiou de dois ressaltos. Apesar de tudo, os brancos mantêm-se invictos e comandam a Liga com um ponto de vantagem sobre o mais imediato perseguidor.

Foi preciso esperar até à passagem da primeira meia hora de jogo para assistir ao primeiro golo. Até então, as melhores ocasiões tinham pertencido ao Real Madrid. A primeira chegou logo aos 6'. Kroos recuperou a bola no meio-campo, entrou na área e o seu remate de pé esquerdo foi desviado por Javi Varas. Dois minutos depois, o alemão marcou um livre na faixa e Morata, de cabeça, obrigou o guarda-redes dos donos da casa a brilhar.

Terceiro golo de Asensio
Os brancos estavam a mostrar-se muito verticais e aos 24' tiveram outra oportunidade clara. Bale vê Carvajal entre linhas mas o passe atrasado do canterano não pôde ser aproveitado por Morata, que encontrou pela frente uma floresta de pernas De jogadores da equipa da casa na zona da marca de penálti. O golo parecia estar prestes a surgir e apareceu mesmo aos 33'. Grande jogada de Nacho, que recuperou a bola, passou por David García e rematou de pé esquerdo. Asensio, de cabeça, pôs a bola no fundo das redes após ter aproveitado um ressalto de Javi Varas. A alegria dos forasteiros durou somente cinco minutos. Tana, que aos 27' já tivera um mano a mano com Casilla, desta vez bateu o madridista.

BENZEMA MARCOU AOS 30 ADVERSÁRIOS QUE JÁ DEFRONTOU NA LIGA

A primeira oportunidade da segunda metade foi para Bale. Rematou da zona frontal mas Javi Varas voltou a mostrar os seus reflexos aos 47'. Benzema substituiu Asensio aos 64' e o francês podia ter marcado logo que entrou no relvado. Kroos marcou o canto, Varane penteou e a bola bateu no seu compatriota, mas o guardião dos locais apanhou-a em cima da linha de golo.

Benzema marca
Não falharia o gaulês na oportunidade seguinte de que dispôs. Passe de Morata entre linhas, aos 68', e Javi Varas voltou a estar a elevado nível, desta vez num duelo com Cristiano Ronaldo, mas Benzema apareceu e pôs a bola no fundo das redes aproveitando o ressalto. As coisas voltavam a colocar-se de feição para os brancos, que tentavam manter a vantagem alcançada atavés do domínio da bola. Não conseguiram o seu objectivo e Araujo, numa jogada feliz, igualou a partida. O Real Madrid tentou até final e podia ter ganho nos descontos com uma cabeçada de Isco que não acertou na baliza. Os madridistas continuam na liderança. Agora há que pensar na Champions, segue-se o Dortmund.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:30



Calendário

Fevereiro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18