Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Kroos é o mais laureado no Mundial de Clubes

por Pedro Silva, em 27.12.18

kroos_HE24302Thumb.jpg

O médio merengue é o primeiro jogador a conquistar cinco vezes este título.
 
Toni Kroos tornou-se pentacampeão do mundo de clubes. O alemão, que foi titular nos dois jogos desta edição, é o jogador que conquistou o maior número de títulos nesta prova. Na realidade, fê-lo por cinco vezes nos últimos seis anos. Depois de levantar o troféu em Abu Dabi, desempatou com Cristiano Ronaldo, que soma quatro. Este registo do português foi igualado por dez madridistas na sequência do último triunfo: Ramos, Marcelo, Carvajal, Isco, Bale, Benzema, Varane, Keylor Navas, Nacho e Modric.

O idílio de Kroos com este campeonato começou em 2013, quando vestia a camisola do Bayern de Munique e ajudou a sua equipa a vencer na final o Raja Casablanca. Os outros quatro títulos alcançados no Mundial de Clubes foram todos ao serviço do Real Madrid. Em 2014, o conjunto merengue impôs-se ao San Lorenzo, numa final em que Kroos foi protagonista, ao fazer a assistência para Ramos marcar o primeiro golo.

Sempre titular
O alemão também foi titular nas três últimas finais. O seu terceiro título surgiu em 2016, frente ao Kashima Antlers. Em 2017, os blancos venceram o Grémio na final e este ano ganharam ao Al Ain. O sétimo Mundial de Clubes do Real Madrid é o quinto de Kroos, autêntico rei desta competição.
 
Artigo publicado nos ite Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:29

O grande momento de Odriozola

por Pedro Silva, em 19.11.18

_1RM8813Thumb.jpg

O lateral foi titular nas últimas quatro vitórias, tendo-se estreado como goleador e assistente.
 
Quatro vitórias consecutivas encadeou o Real Madrid antes da paragem para os compromissos das selecções. Quatro triunfos nos quais se verifica a assiduidade de: Álvaro Odriozola. O lateral, que chegou no Verão ao clube merengue, está a viver o seu melhor momento. Consolidou-se no sistema de jogo dos blancos, cumprindo a preceito as tarefas defensivas e integrando-se com facilidade no ataque. Agarrou quatro vezes a titularidade e estreou-se como goleador e assistente.

Nesta série de resultados, Odriozola integrou o onze inicial em três diferentes ocasiões: na Taça do Rei disputou os 90 minutos frente ao Melilla; na Liga actuou nas vitórias sobre o Valladolid e o Celta; e na Champions League foi titular na goleada fora de casa ante o Viktoria Plzen. Aliás, em Melilla marcou o seu primeiro golo ao serviço do Real Madrid e viu serem aproveitadas por Benzema e Cristo as duas assistências para golo.
 
Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:33

Pablo Laso eleito o melhor treinador do ano

por Pedro Silva, em 18.09.18

 

O técnico madridista foi contemplado com o prémio Memorial Antonio Díaz Miguel pela Associação Espanhola de Treinadores de Basquetebol (AEEB).
 
Pablo Laso foi eleito treinador do ano pela quarta vez na sua carreira (antes sucedera nas temporadas 2012-13, 2014-15 e 2015-16). O prémio Memorial Antonio Díaz Miguel, atribuído pela Associação Espanhola de Treinadores de Basquetebol (AEEB), destaca assim a época do técnico do Real Madrid, ao longo da qual ganhou a Euroliga e a Liga. Laso já fora designado, em Julho, o melhor treinador da Euroliga.
 
Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:27

GettyImages-993530924_Thumb.jpg 

O madridista está a realizar um excelente torneio e destacou-se dos outros diante da Rússia, Argentina e Nigéria. 
 
O médio do Real Madrid, Luka Modric, está a capitanear a selecção da Croácia no Mundial não só envergando a braçadeira, mas também com as suas exibições sobre o relvado. Os croatas, que já estão nas meias-finais, disputaram cinco encontros, e em três deles Modric recebeu a distinção para o melhor homem em campo, algo que apenas ele e Harry Kane conseguiram neste Mundial.

A Nigéria foi o primeiro adversário que a selecção balcânica teve de superar, e nessa estreia o madridista conseguiu o primeiro MVP e também estreou a conta goleadora. Contra a Argentina voltou a dar um recital de futebol e marcou um golaço que fez cair a selecção alviceleste, motivos mais que suficientes para ser o homem do jogo. Nos quartos, frente à Rússia, Modric repetiu a distinção carregando a batuta da equipa, assistindo num dos golos e marcando o penálti no desempate final.  

História
Pela segunda vez na sua história a selecção da Croácia alcançou as meias-finais do Mundial. Se nesta ocasião conta com Modric e Kovacic, na outra vez também um madridista teve um papel decisivo. Foi no França 1998, quando terminaram na terceira posição, e Davor Suker foi o melhor marcador dessa edição com 6 tentos. Na Rússia, Modric também é o croata que fez mais golos, e a sua selecção tem a possibilidade de melhorar o seu registo nesta competição. 
 
Artigo publicado no site Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:58



Agenda do Real Madrid


Calendário

Fevereiro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18


Publicidade



Espectadores