Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Os ‘Sergios’, juntos no treino

por Pedro Silva, em 14.03.17

H_entrevista_ramos-llull_3AM0131Thumb.jpg 

“Com um Sergio na tua vida esta corre muito melhor e mais tranquila”, comentou Ramos.
 

Sergio Ramos e Sergio Llull coincidiram no treino e comentaram as suas jogadas decisivas nas vitórias contra o Betis e o Barcelona. O capitão de futebol explicou: “Com um Sergio na tua vida esta corre muito melhor e mais tranquila. Estou muito satisfeito com o trabalho colectivo da equipa e não só com a minha cabeçada. Temos uns adeptos que nos animam e apoiam, e que acreditam até ao último segundo. Eles também rematam”.

“Temos grandes marcadores de bolas paradas e estou muito satisfeito por essa jogada ter permitido à equipa alcançar o seu objectivo, que foram os três pontos. No meu caso mantenho sempre uma mentalidade positiva e optimista, e temos de acreditar até ao último segundo que é possível. É o ADN do nosso símbolo e da nossa história, e que nos obriga a lutar até final”.
 
Llull: “Luto sempre até ao final e confio em mim
“Tento escolher sempre a melhor opção para a equipa nos minutos finais. Para isso é importante ter a confiança do treinador e dos companheiros, lutar até ao final e confiar em nós próprios. É uma alegria muito grande fazer um cesto como o do outro dia porque nos deu a vitória e porque queremos ganhar jogos deste calibre. Também tentamos lutar por todos os títulos que ainda podemos e vamos para conquistá-los”.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:56

_2RM6551_u.jpg 

Venceu o Valência Basket na final e levantou o troféu pelo quarto ano consecutivo. Llull foi MVP (22 pontos e 22 de valorização).

 

O Rei das Taças continua a aumentar o seu palmarés com um novo troféu, o número 27 da sua história, o quarto consecutivo numa façanha sem precedentes e o quinto em seis anos. Uma barbaridade para um Real Madrid sem limites, que depois de ter estado contra as cordas nos quartos e meias-finais levantou-se para derrotar o Valência Basket numa final equilibrada que foi desnivelada novamente por Llull, com 10 pontos nos dois últimos minutos (22 e 22 de valorização). Grande jogo também de Randolph (20 e 26) e Ayón (18 e 24). Segundo MVP para Llull após o de Barcelona 2012.

A grande final, entre as duas equipas com melhor valorização da Liga, começou com um Madrid a marcar território depois de uns minutos iniciais de alternâncias no marcador e um bonito duelo ofensivo Llull-Randolph contra San Emetrio-Dubljevic. O conjunto branco soube mover a defesa contrária e encontrar lançamentos cómodos no ataque, limitando, por sua vez, a produção ofensiva valencianista ao extremo e o poste. Mas foi outro poste, Randolph, o protagonista do primeiro quarto. Os seus 10 pontos permitiram à sua equipa ter uma vantagem de +6 (22-16, min. 10).

Ritmo alto
No segundo quarto, o jogo entrou numa dinâmica atacante mais alegre. O Valência Basket desafiou os brancos desde o perímetro com pontos de Sastre e Rafa Martínez. Mas o Madrid respondeu à mesma altura por Carroll (8 pontos). O seu segundo triplo tornava inútil a mudança para defesa à zona por parte dos homens de Pedro Martínez e permitia aos brancos colocarem-se 10 pontos na frente, com 43-33 aos 17 minutos. No entanto, quando parecia terem tudo sob controlo e coincidindo com a entrada de Oriola, sofreram um parcial de 12-4 antes do intervalo que devolveu a igualdade ao marcador (47-45, min. 20).

“LLULL É O MVP COM A MÉDIA DE PONTUAÇÃO MAIS ALTA DAS ÚLTIMAS 20 TEMPORADAS (22,3 PUNTOS)”.

Apesar de ser uma final, o Madrid não tinha ainda encontrado o ponto de tensão e dureza que demonstrara nas meias-finais, circunstância de que o adversário continuava a tirar partido, sobretudo nas zonas próximas da tabela. O Valência Basket, com Dubljevic a ser grande em distâncias curtas, fazia frente a uma equipa branca que via como a perda do ressalto defensivo lhe criava problemas.

Ayón e Carroll
O lado bom era a regularidade no ataque, quase sempre pela via de Ayón (12 pontos neste período), que foi um pilar fundamental para manter a sua equipa na frente durante o terceiro período, com a ajuda dos triplos de Carroll e Llull, que impediram a reviravolta valencianista (74-71, min. 30).

Llull imperial
O Madrid não conseguia resolver o problema no ressalto defensivo nem travar Dubljevic. Mas o Valência Basket também conseguia o seu objectivo porque tinha por diante um adversário mentalmente forte. Carroll, Doncic e Randolph respondiam mas não conseguiam descolar do rival. Sikma pôs o marcador apertado, a 87-85 aos 38'. Era necessário voltar a sofrer... Momento para os melhores, momento de Llull. Oito pontos seguidos num acesso de fúria puseram o adversário KO. Triplo, roubo de bola e cesto e outro triplo inverosímil (excepto para ele, claro) fizeram o 95-87 a pouco mais de um minuto para o fim. O Madrid manteve a cabeça fria apesar do esforço final do Valência Basket em mais um final impróprio para cardíacos (97-95, min. 40).

Ficha técnica
REAL MADRID 97 (22+25+27+23): Llull (22), Rudy (2), Taylor (5), Randolph (20) e Reyes (1) - cinco inicial- Draper (0), Nocioni (0), Doncic (9), Maciulis (3), Ayón (18), Carroll (14) e Hunter (3).
VALÊNCIA BASKET 95 (16+29+26+24): Van Rossom (6), R. Martínez (7), San Emeterio (17), Sikma (6) e Dubljevic (28) – cinco inicial- Diot (2), Sato (5), Vives (2), Oriola (6), Sastre (12), Kravtsov (0) e Thomas (4).

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:00

nuevas_HE29312_UThumb.jpg 

O presidente, Zidane, Laso, Ramos, Marcelo, Reyes e Llull desejam um bom ano a todos os madridistas
 

Chega ao fim um 2016 histórico e inesquecível para os madridistas. Um ano carregado de êxitos que os milhões de seguidores no mundo do clube merengue esperam que se prolongue em 2017. Florentino Pérez, Zinedine Zidane, Pablo Laso, Sergio Ramos, Marcelo, Felipe Reyes e Sergio Llull brindaram com o desejo de que as equipas de futebol e basquetebol continuem a conquistar títulos e a dar alegrias aos adeptos.

Florentino Pérez: "Temos umas extraordinárias equipas de futebol e basquetebol"
"Toda a gente sabe que no Real Madrid não há tempo para contemplações e vamos continuar a trabalhar todos juntos para continuar a alimentar este mito e esta lenda. Sabemos que temos umas extraordinárias equipas de futebol e de basquetebol, que nos vão dar muitos triunfos".

"Não posso esquecer neste período de Natal a nossa aposta na solidariedade. Acreditamos que o Real Madrid não deve manter-se à margem da ajuda aos mais necessitados, especialmente as crianças".

"Desejamos a todos um próspero 2017, que o passem muito bem com os vossos entes queridos e que desfrutem da época festiva".
 
Zidane: “Vamos tentar ganhar tudo"
“Vamos tentar ganhar tudo o que temos pela frente. Todos os jogos são importantes e queremos que tanto os jogadores como todos os que apoiam esta equipa fiquem satisfeitos”.

VAMOS CONTINUAR A TRABALHAR JUNTOS PARA CONTINUAR A ALIMENTAR ESTE MITO E ESTA LENDA.

Ramos: “Hé que dar tudo por este emblema”
Como sempre, vamos querer conquistar a Liga, a Champions League e a Taça do Rei, bem como os títulos que se jogarão posteriormente. Assim sendo, tentaremos jogar um bom futebol e dar tudo por este emblema. Tudo será assim mais fácil para procurar atingir o êxito”.

Marcelo: “Vamos dar o máximo para ganhar”
"Vamos disputar todos os campeonatos e vamos dar o máximo para poder ganhar. Vamos encarar com muita força de vontade cada jogo e cada treino para poder ganhar no final”.

Laso: “A nossa obrigação é almejar tudo”
“A nossa obrigação é almejar tudo. Sabemos que temos grandes rivais em todas as competições e um calendário muito exigente. Os rapazes estão a trabalhar de uma forma genial e vamos ser competiitvos até ao último dia, continuando a obter títulos”.

Felipe Reyes: “Lutar por todos os títulos”
“Queremos lutar por todos os títulos e esperamos um bom ano, como em 2016. Queremos repetir os títulos da Liga e da Taça e, se possível, lutar pela Euroliga, que é o título mais importante”.

Llull: “O objectivo é estar sempre no topo”
“Os nossos objectivos são sempre estar no topo e procurar disputar as finais de todas as competições em que participemos. É um objectivo muito ambicioso e ao nível da grandeza do Real Madrid. Vamos aplicar-nos ao máximo para continuar a somar títulos e celebrá-los junto dos nossos adeptos”.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:08

nuevas_HE29312_UThumb.jpg 

O presidente, Zidane, Laso, Ramos, Marcelo, Reyes e Llull dão as boas festas ao madridismo.
 

O ano de 2016 será inesquecível para o madridismo depois de ter conquistado, em futebol, a Taça dos Campeões Europeus, o Mundial de Clubes e a Supertaça Europeia e, em basquetebol, a Liga Endesa e a Taça do Rei. Com os êxitos obtidos ainda frescos na memória, o presidente do Real Madrid, os treinadores e os capitães de ambas as equipas reuniram-se para dar as boas festas à família branca e expressar os seus melhores desejos para esta quadra.
 
Florentino Pérez: “Desejo-vos o melhor para esta temporada”
“Em primeiro lugar, e é sempre o mais importante, que tenhamos saúde e possamos desfrutar dela na companhia dos nossos entes queridos, tanto das nossas famílias como dos nossos amigos. Em segundo lugar quero desejar a todos os madridistas o melhor para esta temporada, para que todos juntos sejamos capazes de trabalhar por este sentimento tão bonito que é o madridismo e para que este clube continue a ser o mais prestigiado, mais admirado e mais valioso”.  

“O futebol e o basquetebol são um lugar de encontro sem fronteiras. Estão no coração de todas as pessoas, sem importar a nacionalidade, a língua ou a cultura. É um sentimento que nos une, que nos fortalece e que nos ajudará a continuar a alimentar este mito e esta lenda que é o Real Madrid".

"Desejamos-vos feliz Natal e um próspero 2017. Que o passem muito bem com os vossos entes queridos e que desfrutem desta quadra".
 
Zidane: “Festas felizes e vemo-nos em Janeiro”
“Quero desejar a todos festas felizes e que as passem bem com as vossas famílias. Vemo-nos em Janeiro. Um abraço a todos”.

Ramos: “Que os Reis se portem muito bem convosco”
“Queria mandar-vos uma grande saudação. Que tenham umas festas felizes e um feliz Natal com todos os vossos entes queridos. Portem-se bem e que os Reis se portem muito bem com todos vocês”.

QUE TODOS JUNTOS SEJAMOS CAPAZES DE TRABALHAR POR ESTE SENTIMENTO TÃO BONITO QUE É O MADRIDISMO.

Marcelo: “Boas festas com os vossos entes queridos”
“Nesta quadra gostaria de desejar-vos umas festas felizes com os vossos entes queridos”.
 
Laso: “É uma época importante que se passa em família”
“Desejar-vos a todos os madridistas festas felizes. Trata-se de uma época importante que se passa com a família. Tivemos um grande ano tanto no futebol como no basquetebol e aspiramos a que 2017 possa ser tão bom ou ainda melhor. Muitas felicidades”.
 
Felipe Reyes: “Feliz Natal a todos os madridistas”
“Desejar-vos a todos os madridistas um feliz Natal e umas festas felizes. Irão passá-las com as vossas famílias e espero que desfrutem bastante. Espero e desejo que 2017 seja, no mínimo, tão bom como 2016 tanto no futebol como no basquetebol. Nós, com a vossa ajuda, poderemos consegui-lo”.

Llull: “Que no próximo ano continuem a apoiar-nos tal como até aqui”
“Desejo a todos os madridistas que passem umas festas felizes rodeados dos vossos e que no próximo ano continuem a apoiar-nos tal como até aqui. Nós vamos deixar a vida em campo para conseguir mais títulos e festejá-los convosco”.

 

in Real Madrid CF

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:14



Agenda do Real Madrid


Calendário

Fevereiro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728

Pesquisar

  Pesquisar no Blog

MARCA (19/02/2018)

>

as (19/02/2018)

>

Ballon d'Or France Football 2018


THE BEST FIFA MEN'S PLAYER 2017/18


UEFA Men's Player of the Year 2017/18


Publicidade



Espectadores